Uganda de merda!

Deputado de MERDA!
População de MERDA!

Que arrependimento, sofrer tanto por uma população que em 30 países persegue os homossexuais. Quantas vezes chorei e me comovi com os movimentos mundiais de ajuda à África. Confesso minha ignorância de só ter descoberto que era crime ser homossexual na maioria dos países da África este ano. Já assinei a lista eletrônica contra esse projeto de lei da Uganda, mas nem imaginava que em outros 4 ela já vigorava. Que PORRA é essa? Porque os EUA e outros países não levantam barreiras comerciais com esses países? O Irã está sofrendo essas sanções pela suspeita de estar enriquecendo urânio para fins nucleares, mas na África não é uma suposição é FATO! Estão matando pessoas inocentes, que nada mais querem além de ser o que são, GAYS. Cadê a indignação? Queria ver se aqui no Brasil ainda existisse a escravidão, se esses filhos das putas, que votam a favor dessa lei na África, não estariam berrando e esperneando para que isso cessasse. Ontem mesmo falei sobre isso com uma amiga negra, que falou que o desgraçado do presidente do Irã e o Lula tinham mesmo que manter a política de boa vizinhança, e que não teria nada demais o Brasil recebê-lo com um aperto de mãos e propostas de negócios entre os países. O que eu disse? Bom… Pimenta no cu dos outros é refresco. E se no Irã ainda existisse a escravidão você também acharia normal, ver o seu representante maior, apertar a mão desse canalha iraniano? O que ela respondeu? -É… Claro que não. Pois bem, para mim o Lula já nem me representava, depois dessa então, quero que vá pro inferno.

Outra coisa que me deixou furioso: Como o fantástico dá uma notícia dessas e não se mostra solidário? O Zeca Camargo é gay! Até o Obama declarou que essa lei é uma ABOMINAÇÃO! Cadê o Lula? Caralho! Na boa, o cenário está cada vez mais sinistro para os gays. Para se repetir o que aconteceu na Alemanha nazista não custa. A MASSA É BURRA! A própria população de Uganda é à favor dessa lei assassina! Muitos relatos de gays durante a 2ª guerra, e até mesmo de judeus, mostram que a classe perseguida foi pega de surpresa, que as coisas foram deteriorando de uma hora pra outra, e quando viram já estavam dentro de um vagão de trem à caminho de Aushwitzs. Não quero parecer alarmista, mas toda noite quando me dá uma insônia e vou zapear pelos canais, só têm evangélicos pregando o ódio aos gays e a qualquer um que possa ameaçar o fim da lavagem cerebral de seus fiéis. Os BURROS estão como zumbis! Esse video mostra bem a lavagem cerebral:

Outro dia mesmo, aqui pela net, deparei com um site de um congressista evangélico Wesley Jhonata e um video do pastor Silas Malafaia ensinando aos BURROS zumbis como atrapalhar a aprovação da lei contra a homofobia que transita no congresso. Olhem esse video detonando todo o ódio evangélico disfarçado de amor, seria cômico se não fosse a mais pura realidade!

No fim do video explica como entrar no site do senado e mandar emails para os senadores. Vamos fazer isso também!

É GUERRA! Nossos inimigos? A fé cega de todas as religiões e os Africanos que apoiam a caçada aos gays. Como pode um líder popular falar na TV que a luta contra a AIDS é a luta contra os homossexuais? Já não basta o sofrimento que causa uma pessoa ser portadora de um vírus letal, ainda temos que ouvir que para se acabar com a AIDS tem que se matar os homossexuais? Povo ignorante mesmo. É por isso que no meu outro post eu exaltei a educação como um ponto chave para o fim da homofobia. Apontei a Argentina como um país que está resolvendo muito bem essa questão, e comentei sobre o acesso maior que os brancos têm á educação. Agora me diz. Todos os países que consideram a homossexualidade um crime têm uma população esmagadoramente negra. Olha só. Se tem coisa que eu não admito é negro, judeu, mulher ou qualquer outra classe que já foi perseguida, ser homofóbica. Que é isso? Não aprenderam nada? Não conhecem sua história? Todas essas classes perseguidas conquistaram seu espaço através de muito sofrimento. Foi tudo em vão? Por favor africanos, olhem pros seus próprios rabos antes de quererem julgar os outros. NÃO SOU RACISTA. MINHA AVÓ ERA MULATA! Não é porque são negros que votam a favor dessa lei assassina, e sim o fato de serem BURROS. Os alemães eram brancos e fizeram o que fizeram!

Nossa, doeu meu ouvido aquele deputado imbecil da Uganda dizer que não vê o homossexualismo como um direito humano. CARALHO! Quem é esse imbecil pra dizer que eu não tenho o direito de dar o meu cu se eu quiser? Sim, porque resumindo é isso! Ahhh, você é viado porque dá o cu! As pessoas lá vão presas se estiverem dando o cu! Que babaquice é essa de não se falar as coisas como são? Lógico que eu sei que ser gay é muito mais complexo. Tem toda a questão do amor entre iguais, da subcultura, da luta constante por cidadania, mas o que interessa aos nossos inimigos é que damos o cu.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
This entry was posted in covarde, criminalização, justiça, nazista, ódio, projeto lei, religião, violencia. Bookmark the permalink.

18 Responses to Uganda de merda!

  1. Clebs says:

    Eu vi esta matéria com o estômago embrulhado…O pior de tudo é que pareceu que colocaram um grande elefante branco no meio do meu quarto…fiquei sem pensar por um tempo assim que acabou…

  2. Visão says:

    Às vezes eu penso em criar uma sociedade secreta entre os gays. Uma sociedade que nos fortaleça e traga ajuda mútua. Se todos nos juntarmos, acredito que poderíamos fazer algo. Enquanto as esses desgraçados, muitos devem dar o cu e gostar. E se não derão, tem a vontade

  3. Lobinho says:

    Moro fora do Brasil.Sei das notícias gays do nosso país através dos blogs.O que me chama a atençao:o único encontro para lutar sobre seus direitos é na Parada Gay(que vejo como carnaval).Os evangélicos(acho que li aqui neste blog) se uniram e foram pra Brasília para que nao fosse aprovada a lei na Camara dos Deputados.Eles orientam seus irmaos para proteger seus direitos.Mau,sinceramente eu nao vejo uniao nenhuma dos gays.Acho que falta algo mais.Para os evangélicos,a uniao faz a força.Será q nao está na hr dos gays sairem as ruas e lutarem por seus direitos?Este é meu ponto de visto.É lógico,frisando,só sei o que leio nos blogs.Beijos.

  4. Wans says:

    É cada vez mais difícil encarar esses fatos que nos afetam diretamente. O que temos apenas são nossas vozes e essas não se calarão jamais!

  5. Edu says:

    Confesso que minha última esperança pra que alguma coisa boa partisse do governo federal se foi com a não-ação do Lula. Nem sei se ele pode fazer alguma coisa em termos de executivo, mas pelo menos levantar a bandeira em alto e bom som, comprar a briga. Porra… Argentina e Portugal melhor que o "prafrentex" Brasil? A gente é pra frente em prostituição infantil, só isso…

  6. Edu says:

    E, Visão, sociedade "secreta" já somos, presos nos armários. Mas entendi o que você quis dizer e até concordo: vamos comprar de estabelecimentos gays, votar em gays, contratar profissionais gays, fortalecer a economia gay (no fim das contas, é o dinheiro que comanda). Mas onde encontrar esse povo?

  7. Júlio says:

    Olá…Acompanho teu blog há algum tempo, mas ainda não tinha comentado nenhum dos teus posts.Tenho também acompanhado a luta incessante de ONGs e grupos defensores dos direitos humanos para uma efetiva conscientização da sociedade quanto às questões que envolvem a nós gays.Entendo perfeitamente a tua revolta frente a esses horrores nos países africanos.Entretanto se não conseguimos conscientizar nem a nossa própria sociedade brasileira, que dirá a africana.Não, não estou menosprezando-os.Mas aqui no Brasil, temos melhor acesso à educação, cultura e informação, no geral, do que nos países africanos.Temos acesso ao serviço de saúde público e gozamos de um sistema político democrático conquistado a custa de muitas mortes inocentes…Ainda assim, vivendo nessa realidade, temos centenas, milhares, de cidadãos que não gozam plenamente de seus direitos, que não tiram proveito dessa sociedade dita livre. E permanecem presos às amarras de grupos ora religiosos, ora políticos, ora ideológicos, ora nem sei mais o que…O aprisionamento nesses casos é muito pior do que simples algemas ou amarras. Trata-se de um aprisionamento intelectual. Muito mais difícil de ser quebrado.Como você defendeu antes, a única saída é a educação.Mas trata-se de um processo lento…Os jovens que tiverem acesso um dia a uma educação digna de um país LAICO e livre crescerão e aí sim, formarão uma sociedade livre, que se auto-respeita.Este ano teremos eleições. Um novo presidente, novos governadores, senadores, deputados estaduais e federais ocuparão o lugar que é nosso, eles nos representarão como cidadãos. Portanto, pensemos bem! Critiquemos e analisemos com cautela que tipo de opinião queremos representada no executivo e legislativo na nação e do estado!Do mais resta-nos continuar nossa luta pessoal em prol de uma sociedade mais respeitosa.http://guiotti.wordpress.com/

  8. Papai Gay says:

    SIM, falta UNIÃO!!! Os que se organizaram como o grupo "arco iris" são muito light no meu ponto de vista. Chegou a hora de ser mais como Harvey Milk do que Luis Mott. Toda vez que vejo o André Fischer falar em nome dos gays me irrito! Ninguém pega pesado contra os evangélicos. Pois eu proponho uma briga ferrenha! Quero vê-los presos sim se continuarem pregando o "Livíticus" da bíblia, ensinando aos seus fiéis que somos uma ABOMINAÇÃO. É só ver esses 2 videos do post para sacar que não estão de brincadeira. ACORDEM GAYS!

  9. Allan says:

    Como já ta virando rotina, eu ia colocar algo a respeito disso no meu blog, mas iria ficar muito parecido! ( ainda não compreendi isso direito, transmissão de pensamento) ate a comparação com os alemães.Como pode um político dizer que um homossexual tem 3X mais chances de tranmitir AIDS, sendo que na ÁFRICA, desde crianças a idosos héteros também estão morrendo por isso. ao inves de se unirem contra os homossexuais deveriam se unir e tentar ao menos dar o saneamento e educação básica para essa população…

  10. Leandro says:

    Eu nao assisto fantastico, mas ontem eu fui domir cedo entao estava entrando em meu quarto e ouvi da tv do quarto do meu irmao falando sobre esta materia entao eu parei para assistir o fim da mesma e hj de manha assisti na integra pelo site e fiquei mais perplexo do que ja estava. após assistir a materia eu fiz uma pesquisa e descobri que 80 paises no mundo criminaliza a homossexualidade.o povo de uganda nao só somente pobre financeiramente e sim intelectualmente e quem deveria dar o exemplo expeli intolerancia pregão o odio, ou seja, nescios estas pessoas precisão serem enjauladas porque eh muita selvageria.como pessoa negra eu ja sabia que muitos negros heterossexuais só se comovem quando o assunto atinge sua caracteristica fisica no caso em questao a cor de pele, por isso nao espere que os negros, mulheres, judeus e demais grupos que no passado sofreram perseguição vão nos ajudar porque muitos deles so pensam no proprio umbigo. quando eu saio em defesa das mulheres porque eu abomino o machismo eu nunca faço isso esperando que vao me ajudar e ainda bem que sempre pensei assim porque muitas delas nao me ajudam quando eu preciso por isso nao espere ajuda de quem nao quer nos ajudar e sim temos que nos ajudar por si mesmo juntos somos mas fortes e isso eh o mais puro clichê totalmente eficiente. tem uma serie que passa na abc que se chama V sobre extraterretres que tentam dominar o mundo com a "devoção" dos humanos em relação a eles e isso esta acontece com os mentecaptos. os homofobicos na liderança estao sabendo fazer uso desta "idolatria" muito bem. sobre o presidente depois que eu vi um video onde ele diz que o pessoa de pelotas sao "viados" num dom totalmente depreciativo, ou seja, quando ele venceu nos dois mandatos nao foi com o meu voto.

  11. Leco Vilela says:

    Nos cabe esperar ações de grupos internacionais e da ONU… por que diferente dos paises Asiáticos a prática é religiosa. Já em unganda é um ato deliberadamente politico o que cai na classificação de mau trato humano! Assim como a ONU repudia nossa ditadura, cabe a eles a intervenção. A Nós cabe o protesto sem dúvida!

  12. Natalie S. Dowsley says:

    É a primeira vez que estou em seu blog e acho que não podia chegar em melhor momento! Estou de TOTAL acordo com sua raiva, revolta, indignação, com tudo e todos os que foram citados, desde Lula até o vencedor do último BBB – que, com sua vitória, provou que ainda temos uma população muito machista e ignorante.Tenha certeza de que ganhou uma visitante permanente!

  13. Lilah says:

    Eu fiquei sem ação. Não que não soubesse sobre a lei, já tinha lido sobre o assunto, mas o total absurdo com que as coisas são ditas é chocante e causa asco.Aproveitei e listei no blog os 37 direitos que são negados a casais gays no Brasil. Isso num país onde a constituição diz que TODOS são iguais, sem distinção de nenhum tipo.

  14. EFS*** says:

    "eu amo a todas as pessoas" ha ha ha ridículo!

  15. Caesar Moura says:

    Não concordo com tudo que vc fala (O q acho ÒTIMO pq teremos coisas pra kct pra trocarmos pessoalmente!) e juro que não é pra te impressionar com meu comentário! Rs. Mas adoro o tom que vc usa para falar de tantas outras sobre as quais eu assino embaixo. Tomei a liberdade de indicar esse post em F40. Acho q servirá de contraponto em alguns momentos e de complemento em tantos outros. Beijo dos grandes!

  16. Anonymous says:

    Precisamos é participar mais da política. Gay votando em Gay. Parece absurdo, mas os evangélicos fazem isso e se fortalecem no congresso nacional. Precisamos de força política dentro do congresso. São Paulo elegeria um Senador e 5 deputados Federais, pelo menos só com os votos dos Gays e nos outros Estados nao seria diferente. Quando essas coisas se traduzem em votos, como os evangélicos já descobriram, a coisa muda. Só vejo esta saída ou então começar a pregar o ódio contra os crentes, como eles fazem com os gays, mas seria a consubstanciação da barbárie que eles desejam. fui…

  17. Anonymous says:

    Cara, sabe aquela história de bichômetro??? Quando vemos algem sabemos que é gay, mesmo sem qualquer pista… Pois é, o meu, que é o mais afinado do mundo me diz que o Malafaia é gay. Ele tem pinta, aliás, pinta nao, MANCHA.

  18. LeLanz says:

    Em primeiro lugar, parabéns pela ousadia do discurso e pela excelência do conteúdo do seu site. Sem panos quentes, direto ao ponto. Sobre esse tal "mala", qualquer pessoa com alguma sensibilidade percebe tratar-se de um energúmeno valendo-se de religiões caducas para nos impor o seu permanente estado de ataque psicótico. Seu lugar é num centro de tratamento para doentes mentais, não na TV debatendo assuntos de interesse da sociedade civil. É lá que ele estaria, sendo bem cuidado por especialistas, se vivêssemos numa sociedade que "pensasse", em vez de se acomodar às propostas entorpecedoras e absurdas de seitas redentoras comandadas por malucos chaivinistas como esse mala.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *