Quando a violência bateu na minha porta.

Quando a violência chega em você é porque está fora do controle. Bateram no meu “namorido” em plena Ipanema em um sábado à noite. Leia o relato de mais um caso de homofobia e me diz se esses FILHOS DAS PUTAS não mercem uma lei para os colocar na cadeia. Vamos fazer pressão para CRIMINALIZAR A HOMOFOBIA. Precisamos do apoio dos heteros, pois como minoria que somos, seremos sempre esmagados nas votações. Se você é hetero e acha que pode apoiar, não se omita, pense que um dia seus filhos poderão ser gays e aí será tarde demais para os amparar de absurdos como esses.

Leia o relato dele:

ME BATERAM, por que? pelo simples motivo de que seu amigo aqui, é gay! Estava em frente ao zona sul na General Osório em Ipanema, falando com meu namorado pelo telefone, quando dois caras, ouviram eu chama-lo de “gatão” quando desliguei o telefone um deles me deu um soco nas costelas, a marca estão vendo na imagem, me chamaram de “bichinha” e correram atrás de mim, não sei por quanto tempo, por que so parei de correr uns 500 metros depois. Bem, fica ai mais uma violência contra homossexuais, que se levada à delegacia iria ser trada com desprezo, e enquadrado como uma simples violência, e não impulsionada por preconceito, ódio e intolerância, e eu que conviva com esse tipo de coisa, enquanto todos vocês continuarem tratando o assunto como problema de gays, mas isso, até acontecer com alguém que realmente seja importante para vocês, claro.

Minha opinião:

Eu estou tão emputecido que não consigo escrever nada. Estou com uma sensação de impotência indescritível. Ainda bem que eu não estava com ele no momento, pois duvido que eu sairia correndo, acabaria enfrentando e a MERDA seria muito maior. Como ele não conseguiria identificar ninguém, acabou achando melhor não fazer denúncia alguma, e todos sabemos que seria mais um na estatística. Óbvio que se eu tivesse lendo isso, eu falaria que tem que denunciar, não interessa, mas quando é com a gente, dá um desânimo que não nos move. A única coisa que aumenta é a vontade de mudar de País. Realmente o Brasil está sofrendo um epidemia de violência dirigida aos homossexuais, as autoridades fazem vista grossa, e a sociedade em geral prefere se omitir. É um momento muito pobre em termos de cidadania. O doente não tem hospital público, o cidadão não tem segurança com a polícia e todos os escândalos, quem vota não se reconhece em seus representantes, as crianças estão sem educação, as mulheres sofrem com o machismo e os gays estão em último lugar da lista de prioridades. Ou seja, será que a única solução é a fuga?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
This entry was posted in gay, homofobia, justiça, preconceito, violencia and tagged , , , . Bookmark the permalink.

14 Responses to Quando a violência bateu na minha porta.

  1. é a fuga não…
    me da vontade mesmo eh de sair na porrada mano.
    porra! q merda neh.
    fica firme aee ‘papai gay’

    abracos
    Leo

  2. FOXX says:

    ai está o problema: como assim ele não vai fazer denuncia alguma? pq vai ser só mais uma estatística? se não houverem estatísticas não tem porque haver lei. não acredito que vcs estão defendendo o “faça o que eu digo, não faça o q eu faço”

    • admin says:

      Querido foxx, ele é meu namorado e não meu soldadinho, infelizmente não posso obrigá-lo a denunciar o que aconteceu. Eu talvez agisse diferente. Não sei. Acho que o trabalho que eu faço aqui é até mais eficaz do que contar com a justiça no Brasil. Entendo ele estar desiludido. Enfim… Não mando nele.

  3. Cara Comum says:

    Pois, é… Chegará uma hora em que teremos que mudar: ou de país ou o país…

    • admin says:

      Mas que já está uma palhaçada mudar o Brasil, isso jé está. Dtesto ser pessimista, mas é só olhar pra nossa vizinha, a Argentina, pra desanimar…

  4. Thiago says:

    Nossa, que situação péssima.
    Eu tenho certeza que também não sairia correndo. Não fosse um grupo de 5 caras do tamanho do Hulk, eu partia pra cima. Podiam me rachar o crânio, mas tenho certeza que pelo menos sem um dente cada um deles sairia.
    Chega de correr, chega de se esquivar. É preciso mostrar que somos tão fortes, tão homens e o melhor, muito mais corajosos do que esse bando de encubadas.
    Abraços e melhoras pro namorado.

    • admin says:

      Eu não acho, eu vou me concientizar que é muito melhor preservar a minha vida do que dar uma de durão. A partir de hoje farei como meu namorado, vou correr mesmo. Não vai ser um idiota que vai estragar essa carinha que mamãe passou talquinho.

  5. rhayah.q says:

    É serio essa violência tá foda!
    eu sou garota e hétero e to cansada dessa merda toda q está acontecendo,hoje mesmo la na escola teve um debate sobre vários temas entre eles casamento gay,adoção por casais gays,legalização da maconha,legalização do aborto e eutanásia.la tinham alguns alunos evangélicos que disseram ser a favor de todos exceto o casamento gay e adoção por casais gays.quando o professor perguntou a eles por que,eles disseram que a igreja diz ser errado e eu me pergunto que poder tem a igreja de definir o que é certo ou errado?alem do mais esses 2 tema foram os únicos q eles seguiram a opinião da igreja pois nos outros eles ficaram com a própria opinião,e depois dizem que são os gays que querem influenciar os jovens. fala sério. PS:muito foda este site estou conhecendo hoje e já estou virando fã.
    Save rock’n roll!

    • admin says:

      Pois é. Eles falam que a gente usa a manipulação, mas o que eles querem é continuar sendo os salvadores. Criaram um inimigo social (os gays) para poderem VENDER a salvação através do dízimo, e os jovens caem nessa. Uma merda isso! Religião é uma praga, não os gays,

  6. Wenderson says:

    Lamento pelo que aconteceu Maurício.
    Abraço.

  7. marclei says:

    cara … essa porra esta fora de controle, dizer que vai passar e fácil para mim , pois não levei a porrada ( não passei pela vergonha de ser humilhado), cara vai em frente, não abaixe a cabeça para esses MERDAS !
    essa Historia de DEBATE também já deu, não tenho mais saco para ficar DEBATENDO, expondo, o meu SER , para poder ser aceito. Essa porra esta como um carro desgovernado, não sei se existe justiça, não sei se existe cura para essa gangrena que esta corroendo o censo comum, cadê a porra do RESPEITO, tudo isso se resumi em FALTA DE RESPEITO !
    CARA MELHORAS !!!!

  8. Alexandre says:

    Eu me pergunto quanto algo nesse país funcionará. Governo corrupto, instituições públicas que parecem uma piada, sociedade antiquada, infraestrutura precária, talvez o Brasil tenha inspirado Gotham City! Se subir na minha carreira vou a Toronto.

  9. Andre Santos says:

    Compartilho da sua indignação, acho que da raiva também. sei bem como é isso, sei como e sofrer agressão,no meu caso além disso vandalizaram minha casa.acho que não sou mais o mesmo depois que isso aconteceu …

Leave a Reply to Thiago Cancel reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *